terça-feira, 31 de março de 2009

Secando no Shopping

Eu sequei (sexualmente falando) dois meninos na praça de alimentação hoje. Eles deviam ter 16 anos - e eu já estou pagando o asilo. Eles perceberam que eu os estava secando (sexualmente falando). Mas, sabe, quando você seca as pessoas e nem percebe? Eu estava secando eles e nem percebi. Achei eles bonitos de verdade. Um tinha um cabelo sedozo, no maior estilo Hugh Grant, e eu não dou três anos pra ele estar secando gente muito mais bonita que se faz perceber. O outro era japa, mas japa mesmo, cabelo de japa from Tokyo, seduzindo sem querer seduzir - e me seduziu. Eu fiquei olhando pra eles enquanto eu tentava comer minha metade de Subway por R$ 5,95 e eles perceberam. Se cutucaram mutuamente com os cotovelos: "Tem uma idosa nos secando". Foi constrangedor. Eu achei muito constrangedor, afinal agora eles vão achar que idosas que comem Subway se babando estão super afim deles. Quando eles me fitaram por mais de 30 segundos eu achei que tinha uma azeitona pendurada na minha testa, e eu até chequei, mas não tinha. Acho que era só emoção deles, afinal, a gente fica emocionado quando é secado assim, por pessoas que comem Subway se babando no shopping.

domingo, 29 de março de 2009

Pro(ó)-crime Part I.

Sabe aqueles dias que você acorda meio bizarrão, se olha no espelho e diz: hoje tô pô crime.Toma aquele banhão, manda um engovão e pega o caminho da roça. Perigoso, muito perigoso. É evidente que todas as pessoas que fazem isso, não sabem que miopia e jurupinga não te ajudam a ver claramente no meio do psytrance loco, e que gente feia não é bonita.
Simples assim, queridões. Não é uma convenção da sociedade, esse argumento não vale. A pessoa é zoada e ponto. O cara chego em você, ta sem fazer nada mesmo, se perdeu das amigas. Calma, momento de fraqueza. Da uma olhadinha de fianco no meio da galere e tente achar alguém que você conheça. Se for inevitável pega rapidão que ninguém fica sabendo. Só pra afagar o ego. Lembre-se de falar algo engraçadinho pro sujeito rir e você dar uma conferida nos dentinhos (a.k.a: contá-los). Basicão assim né hehe. Ai a hora que passar aquele cats, faz aloca, grita estupro e cata no braço dele: tipo, não AGUENTO mais esse stalker me salva.
Aquela altura da festa que o guardanapo já viro bolo faz tempo, você chega no bar e as seguintes opções: "saquê com kiwi ou morango" (de viadinho) "sex on the beach" (tipo: MUITO gay) "cosmopolitan de framboesa" (uber homo), "jurupinga" SUMEMO. Gente, anota na caderneta, jurupinga BAD. O nome é engraçadinho, tem gostinho de martini barato, mas meu jurupinga BAD. Palavras do Clint Eastwood que faço minhas. Ninguém é macho o suficiente pra beber isso e não arcar severamente com as consequencias.
Depois daquela abastecida aquele momento que todo mundo quer fazer o Justin Timber e quer arrasar na dance floor exibindo o rebolation que você aprendeu no youtube. Alguém precisa te falar que tá causando e pagando um puta vale? Não né, esse tipo de coisa fica meio que subentendido. Então fica na sua. Ninguém quer saber se ta tocando Gaiola das Popozudas - "A Porra Da Buceta é Minha" ( =( ). Serião.

terça-feira, 24 de março de 2009

Currículo: fica meia dica.

Cheguei naquele momento "ai corror" na vida de qualquer universitário. Fazer o curriculum. Além de ser uma palavra tão absolutamente gay quanto Bárbara Rosa, é assustador, sério. Tá, mas, e aquela pergunta que não quer calar? COLOCAR O-QUE NA BOSTA DO CURRICULUM? Tipo: fodeu. É uma coisa tão injusta com nós estudantes que passamos todo o ensino médio ralando - cof - pra passar no vestibular e não tivemos tempo livre pra exercer atividades extra-curriculares e part-time-jobs. 
Inglês não conta. Não se sinta especial se você tem inglês. Todo mundo tem. Por isso que eu digo, se for fazer intercambio, pelo amor de Deus, tenha um pouco de criatividade e logística. Vá pra Finlândia, pro México, pra Holanda, pra puta que pariu, só não me vá pros Estados Unidos. Qualquer terceira lingua é uma mão na roda. E não adianta dar aquele miguézão que você sabe espanhol básico. Qualquer brasileiro que tenha aprendido a falar o português porcamente tem noção de espanhol. E seus empregadores sabem disso. Passando esse estágio das linguas e formação chegamos na parte mais constrangedora. 
Qualidades. Como ainda não temos experiencia que se preze, temos que enumerar nossas qualidades. Como ser honesto nessa parte? Tá, la vai: organizada (aham), prestativa (claro), comunicativa (lógico), dinamica (certeza), facilidade de aprendizado (óbvio) e de resolução de problemas (sem dúvidas). Gente, tem mentira mais horrível que essa? Minta! Minta gostoso! Só não vai falar que você está disposto a qualquer tipo de trabalho escravo (sexual), que fez um ano de medicina na USP e desistiu, que é filho do Roberto Justos, que é membro ativo no centro academico (tipo: fumo drogas), que não rola.
Nossa inevitável desonestidade no trabalho já chega dando voadora no curriculo. Boa sorte galere! AnimaSSAL!

segunda-feira, 23 de março de 2009

Gayer

Tô decepcionada com o resultado.
Eu tava olhando os posts antigos daqui e me dei conta de que eram puro carnaval. A gente era mais brega do que é hoje, sério. Mas era bonito pq tinha alegria de viver. Não que ainda não tenha. Mas hoje tem outro tipo de alegria de viver que não é aquele.
Tô depressiva, quero amor, afago, carinho, amor afago carinho. A distância não acaba com a carência. Não NESSES casos, se é que a Bá me entende. Pq quem tinha que estar aqui - e não está - está pouco se fodendo. Olha como eu to puta, acho que to bipolar. Começo minha dieta amanhã, JURO.

ALOCA

Fim de semana alcoolico. Altos bafões, altos e mais altos e super uber altos goles de cerveja - a não tão famigerada BECK DOM. Não sei da onde os veteranos de comunicação tiram essas coisas pra gente tomar, mas tiram. Tem gostinho de água, mas depois que você bebe uns 7 litros tá de boa e rolando no chão. Super confraternizante com os colegas de aula ("Você tem olhos claros?") aeaeae e umas trovas nonsense vindas de uma pessoas nonsense, eu me esbaldei e quase afagou meu ego. 
Era numa chácara e eu voltei marronzinha de terra: pura terra. Choveu litros. Dica: mesmo que tenha sol (e você esqueça seu óculos de sol em casa) não vá de all star branco. Foda-se a moda e o looking-great, vá com o seu tênis mais porco, afinal ele ficará mais suíno do que era. Agora eu preciso de uma dica de como limpar meu all star branco, sério, ele é minha vida há quase três anos! E all star bom não é all star sujo: isso é nojento. All star branco é coringa, todos precisam de um limpo - ou um novo. 

Descobri que gasto TRINTA reais (ou barras de ouro) por semana só em passagens de ônibus. E olha que eu caminho exatos 700 metros pra pegar um ônibus (cheio) que vá até a Puc. Afinal, eu poderia pegar um ônibus pra não andar 700 metros, mas aí eu gastaria umas 90 barras de ouro por semana (não tenho noção de multiplicação/adição - eu nem sei se isso é multiplicação ou adição).

Quero postar do jeito que eu postava antes, mas não to consigo voltar no tempo e ter 15 anos denovo. Eu sinto que meus posts tinham mais base crítica (aloca né) e coisas bonitas pra dizer pros outros. Tenho que parar de me abrir, mas eu juro que me sinto feliz me abrindo aqui. Eu acho que é culpa da Carrie (a Bradshaw, te amo). Pode não ser, pode ser coisa de momento. Será que alguém ainda lê isso aqui?

sexta-feira, 20 de março de 2009

Secador de cabelo, eu te odeio

Calças Jeans não secam com secador. É, não secam. Fiquei uns 40 minutos tentando fazer minha calça super molhada secar e não evaporou nem 6 ml de água. Eu quero essa calça seca, EU PRECISO dessa calça seca pq ela é a mais bunis e a única que não fica caindo desvairadamente

quarta-feira, 18 de março de 2009

Quero tomar coca. There,I said it. O Garcia não quer levantar a bunda fétida do sofá e ir catar pra mim lá na esquina. Assim não dá pra viver. Qual o objetivo de se morar com amigos se eles não se deixam explorar? NÃO DÁ GARCIA.Pegue seus pertences e suma daqui.Não te amo mais.
Meu, foda-se que eu vou ficar com 40 pontos de celulite nas coxas e nódulos de gordura nos braços e dedos roliços e estria no peito. Quero delicioso néctar derretedor de dentes. Tipo: AGORA.
Dei piti.

segunda-feira, 16 de março de 2009

FELIZ NIVERS MIGS!

Abrindo o coração, confesso que eu não estou muito na vibe de blog por esses dias, como membro do SQ tenho me saído uma assídua leitora /rialto. Mas isso não importa. O motivo pelo qual dei meia descarga na preguicinha hoje foi por um bem maior.
Jézinha gauchinha sapeca hoje completa 19 anos (daqui 40 min). Eu poderia dizer todas aquelas coisas bonitas que a gente sempre fala no nivers (tipo,acabei de me contradizer) reciprocamente mudando uns adjetivos ali e outros aqui,mas prefiro me abster de embromation e ir direto ao assunto.
Ano mais turbulento pra nossas vidas não houve Jézinha, tanta mudança em tão pouco tempo e eu por algum centésimo de segundo achei que nossas cabecinhas (cabecinha é a sua, não a minha), não iam aguentar por muito tempo essas pressões da vida solitária nas respectivas capitais.
Apesar de miojão no microondas, intrigas com os porteiros locais, contas pra pagar e sem um puto no bolso, continuamos com nossos planos que darão certo (2035), e mesmo que não sejam um mochilão pela europa e sim uma sacolinh
a pelas praias achocolatadas gaúchas, as long as you're here with me DEU BÃO.



Típica foto paquita de sweet 16

Só digo que to muito contente porque nesse ano fez já 3 anos desde a nossa primeira viagem together e desde a constatação mais óbvia feita por mim desde então. Só você me faz feliz. E você não tem nem noção de como, nenhumazinha.
Pra mim você basta, só você e mais ninguém, amiga. E puta merda, aprendi tanta coisa desde que a gente se conheceu, e regionalidades a parte, aprendi a confiar nas pessoas de novo. Receber os conselhos mais sinceros, me preocupar de verdade, te preocupar de verdade - HEUIHEIUHIOE sorry - pensar igual, esses clichês que embora para a maioria seja balela, porque é tãão dificil, e nós mulheres sabemos que é tãããão difícil achar amigas, pra gente é verdadeiro na teoria e na prática. Nossa saga tá no começo migs =)
Muito mais sensacional que ter um amigo por perto que você pode contar sempre é saber que você tem um há 32 horas que se importa contigo de verdade - calma vo chora - Jé,eu amo você,do fundo do meu coração. Espero que tu seja muito feliz, que tenha muito dinheiro pra me dar coisas caras, que cate muito homem gostoso, e que a gente tome muita tequila (percebeu que eu já me inclui nas coisas que eu to desejando pra você)! To sempre do seu lado. Forever and ever,babe!

GENTE, falta um dia. E eu não consigo dormir. Ganhei algodões da minha mãe. 
Wishlist: Mochilão na Europa, visitando 11 países durante 28 dias por menos de mil euros. COMOFAS/
-se alguém souber telepata pra mim

domingo, 15 de março de 2009

Parabéns meu amorzinho



Mark, o da esquerda

Mark Hoppus, meu divo master gordo, faz aniversário hoje e eu NÃO sei quantos anos ele faz. Eu chuto que sejam 37 ( tão lindo), mas não tenho certeza. Se eu tivesse ainda 13 anos (não tenho essa idade a quase 6 anos) eu faria uma linda homenagem que ele não leria. O que é triste, se parar pra pensar. Não faço mais reflexões sobre meus amores adolescentes e nem sobre tamanha admiração que tenho sobre ele, em especial. Tenho vergonha mas não escondo, e não sei o pq, que gosto tanto dele. Talvez pq ele seja bonito, talvez pq ele tenha a voz seca: só ele tem a voz seca e suave em equivalência. Mas muita talvez pq a gente se dê bem, assim, bem assim. 

E muito talvez pq sem ele não existiria Bá e eu faço as minhas palavras as dele - quando se referindo ao Tom, o Delonge: "Nós somos o mesmo cara em corpos diferentes. Nós somos irmãos."

Parabéns meu amorzinho

sexta-feira, 13 de março de 2009

Muita informação

Descobri que o porteiro é doido e que não tinha porcaria nenhuma de TV digital/a cabo/telepatia pra ser instalada. Era a pura e doce TV aberta comum. O instalador veio aqui e disse, bem queridão (mesmo) pra mim manter a minha pseudo-tv-a-cabo - até cortarem. O porteiro é doido e eu descobri o nome dele. O que não importa.
Mantenho uma dor de cabeça há dias. Hoje resolvi arrumar meu apartamento e fazer comida. Ficou uma bosta a comida e meu incensário quebrou. QUERO CHEIRINHO BOM NO APARTAMENTO. Tenho usado um limão como base pro incenso, mas eu sinto que não é a mesma coisa e Lord Ganesha não se sente tão feliz assim quando o cheiro provém de um limão podre.
Meus próximos passos são comprar um incensário, maquiagem, ler meus livros, comprar livros, comprar comida e tomar banho. Lavar o cabelo e comer menos: começo na segunda. Meu aniversário é na terça que vem (Saint Patrick's Day - sempre me senti melhor na comunidade irlandesa do que na alemã) e quero que as pessoas comemorem comigo tomando Guiness quente e com um trevo na orelha: pra dar sorte. Quero também um arco íris com um pote de milhões de barras de ouro no fim do mesmo: porque eu mereço.
FIM, são só esses meus pedidos e eu espero ser atendida.
Beijos no core

Obs.: Bárbara Rosa, favor comparecer mais no blog: NÃO SOU EU QUE ESTÁ TRAINDO O MOVIMENTO. CASPITA.

terça-feira, 10 de março de 2009

To puta com o porteiro

Antes de qualquer coisa: Agora eu sinto a dor humana te ter contas pra pagar, xerox pra comprar, livros pra comprar, cerveja pra comprar, dignidade pra comprar E NÃO TER DINHEIRO.
Não tenho, tipo, acabou. Quero um tutorial que ensine como pegar ônibus de graça em Curitiba - ou carona sentido PUC-Batel. Sério.


Briguei com o porteiro denovo. Não contei a história anterior, da primeira briga, mas quando eu me mudei pra esse condomínio ele disse que eu não podia ME MUDAR de fato. SABEM PORQUÊ? Por que eu não tinha autorização da imobiliária. Aí eu, com contrato na mão e uma faca na outra (briiiiinks) fiquei puta e comecei a discutir com ele dizendo: olhaki migs, eu tenho contrato papai (teamo) locou isso aqui pra mim e eu tenho direito de entrar. Aí ele disse. NÃO. 
Aí eu, super sabendo da voracidade de papai liguei pra ele e disse: Papi, o porteiro disse que eu não tenho autorização pra entrar. Eu já tava puta, soluçando querendo entrar no meu apartamento de 8 cm² pra dormir no meu apartamento de 8cm² e não podia. Aí papai disse: deixa eu falar com esse cara. HEHE. Aí eu disse pro porteiro (não sei o nome dele e SIM tenho raiva de quem sabe) que papai queria falar com ele. AÍ o porteiro, super gente boa (tomanocu) disse que EU (eu, imaginem) tinha ficado alterada e que não era nada disso. A situação era que eu podia trazer a AUTORIZAÇÃO depois, ou deixar a cópia do contrato. Não, ele não tinha me dito nada disso, JURO! Daí papai me disse que se ele não deixasse eu entrar era pra mim ir na Delegacia dos direitos dos locatários (isso não existe, mas ele disse pra mim ir na Dele mesmo) por que  o tiozão não tinha o direito de NÃO me dar direito de entrar no prédio. BELÊ, depois disso ele nunca mais olhou na minha cara - o porteiro, óbvio.
Aí na sexta, eu cheguei em casa puta porque ia FICAR em casa em uma sexta (depois fiquei feliz ingerindo Heineken e massa e vendo a bá na hebecam) e ele diz que vão instalar tv a cabo no condominio. Argumentei e disse que já tinha tv a cabo no meu apartamento. Ele retrucou dizendo que É VC TEM NET hehe. Aí eu disse que não, tinha a DO CONDOMÍNIO, da Net eu só tenho Internet e Telefone. Ele me reprimiu, claro. Aí eu perguntei que bagulho era esse de tv a cabo. Ele mudou o discurso e disse que era TV digital. Eu disse pra mim mesma 'comofas' e disse pra ele NÃO ENTENDI, me explica. Aí ele disse que não podia explicar. Aí eu BELÊ - se o porteiro não sabe, quem vai saber? O pringles que o vizinho japa joga no lixo toda segunda feira? HEIN?
Bom foi que ele disse que se eu quisesse tinha que marcar hora pro instalador vir no ap e instalar. Aí eu perguntei "Quando?" e ele disse "Nesse Sábado" e eu perguntei "Que horas é a instalação?" e VEJAM BEM O QUE EU VOU DIZER A SEGUIR "De manhã". Eu disse que se ele pudesse ir às 10 ou as 11 pra mim tava de boa. AÍ ele escreveu no caderninho dele: Ap. 182 (pra manter o sigilo aeae) 10 horas. Fui puta pro apartamento porque além de ser sexta e eu ficar em casa ia ter que acordar no mínimo 09:48H pra receber um instalador. Foi que eu acordei cedo naquele sábado e não veio ninguém. NINGUÉM. 
Hoje, quando eu chego da Puc ofegante, me segurando pra não mijar nas calças (juro) ele me entrega uma correspondência que não é minha. Eu devolvi e disse que não era meu. Ele pegou e e ateou fogo na minha frente com os olhos de raiva e perguntou SUPERFAZENDOAINTIMA se tinham ido instalar a tv a cabo/digital/por telepatia e eu disse que não. Aí ele disse: É, você tinha que ter marcado hora. AÍ MEU SANGUE SUBIU PROS TÍMPANOS e eu me alterei 10% e disse MAS EU MARQUEI HORA! E ele: Marcou? Aí eu: sim, marquei, CONTIGO! Ele rodou a baiana e disse: NÃO COMIGO NÃO, NÃO MARQUEI NADA PRA VOCÊ. Repetindo praqueles que não pegaram a resposta do porteiro: NÃO COMIGO NÃO, NÃO MARQUEI NADA PRA VOCÊ. Dá pra acreditar? Eu fula da vida, atrasada pra sair de casa e estar no Shopping em 8 segundos E fazer xixi E ligar pra minha mãe E comer falei em tom de raiva: "tá, tá depois eu vejo isso" e fui chutando o balde em direção ao elevador e uma voz sinistra de traz disse "Ou com qualquer porteiro, JÉSSICA". Ele disse meu nome.
To puta.

segunda-feira, 9 de março de 2009

Senti nesse momento,depois de ler rindo as constatações de uma vida paranaense/cult,que eu tinha que intervir de algum modo nessa monopolização do rainhassexys. Um mês na capital e juro que eu to morrendo de saudade de Taguaí. 5 reais no bolso,voltava pra casa carregada por estranhos com 2 reais de TROCO. Custo de vida é uma expressão que me dói muito mais no fígado que no bolso. 4 pila numa Itaipava NÃO-DÁ. É involuntário,meu organismo se recusa a ingerir algo tão low-quality-so-fucking-expansive. Menti, atoron Itaipava.
A quantidade de notas mentais e conhecimento doméstico (tipo, alvejante não se poe em roupa preta - WHAT?!?!?) que foram adquiridos por mim essa semana são no mínimo construtores de caráter. Sou quase uma jovem adulta (MUA HA HA). Já sei limpar banheiro,lavar roupa,sair do lado certo do metro e fazer bolo de liquidificador. Obrigada tutorial orkutiano pra coisas banais. Fica a dica,cats :*

sábado, 7 de março de 2009

Morri IV

Descobri que depois dos 19 não sou mais jovem, sou adulta. Jovens: aqueles entre 13-18 anos. Sim to brava de verdade agora. E não é só por isso. 
Quero me afastar por três dias, ficar apreciando arte contemporânea depois rolar no parque. PARQUE, não praça. Não sei se levo Hunter Thompson ou Fernanda Young. Acho que vou levar o telefone pra jogar nos pombos.

Se eu passar aqui até segunda feira é porque eu sou fraca e quero mais amor do que eu tenho.

Monopolizei o mês de Março por que ele é meu. E eu não tenho orgulho disso.

III

To cansada. Não quero mais conversar. Não quero mais ser lida, me ouçam, por favor. Alguém me liga só pra mim ficar feliz com meu telefone tocando? Pra ficar felizinha muda no telefone. Eu quero conversar mas não quero falar. SÓ OUÇAM, OUÇAM.
Quero surtar: now.

Constatação II

Ainda sobre o post de antes: beber aumenta a carência. Beber sozinha cava uma poço pra pessoa em questão. Pessoas que ligam quando estão bêbadas é por que estão carentes do afeto daquela pessoa em questão. Não, não liguei pra ninguém. Mas só porque acabou a cerveja.
TO PUTA.
Não sei se fico mais puta por que o alcool acabou ou por que eu to carente de afeto. Prefiro ficar PUTA pelos dois e ficar mais PUTA DO QUE PUTA: tipo, MUITO PUTA.

littledeath

To carente. Preciso de afagos, Heineken e comida. Uns três dias do primeiro, cinco litros do segundo e um quilo do terceiro. Juro, to morrendo. 

sexta-feira, 6 de março de 2009

ficopobremasbebo

A semana passou tão rápido que eu cansei. O auge dela foi sair pra almoçar e desviar o caminho da direita para a esquerda. Quero dizer, do restaurante com o tiozinho legal que faz piadas super engraçadas e eu pago 7,77 por um prato leve de comida PLUS suco de laranja por ir no Shopping e comer comida mexiana ruim. Não sei se é pior comer comida comum ou comer comida mexicana ruim, mas a do Shopping Crystal é ruimpracaralho e eu sempre esqueço que lá é muito ruim e minha fome/barriga/gordura insaciável me leva até lá; o atendimento é péssimo, não tem guacamole e os pratos que tem vêm com carne desfiada. Não gosto de carne desfiada. Os recheios vegetarianos vêm com vagem. Não gosto de vagem - sem contar que os recheios são secospracaralho. Enfim, depois de comer comida ruim, mas, todavia, contudo e além do mais comer comida mexicana que me faz feliz mesmo quando é ruim eu resolvi ir no mercado comprar alguma coisa, mesmo sem dinheiro, eu ia pagar com aqueles vales alimentação SUPER tendência do mercado. Ia comprar leite, porque não tem mais. Ia comprar pasta de dente, porque quase não tem, ia comprar demaquilante, porque eu perdi o meu e ia comprar alguma coisa pra beber que não água, porque eu só tenho água. Mas, não comprei nada disso - comprei chá gelado, mas isso não importa -, fui nas prateleiras de bebidas e vi a verdinha, a Heineken com etiqueta vermelha: R$ 1,69. Desculpa, não resisti. Pra quem paga R$ 4,00 (se não mais uns cents) por essas coisinhaslindas quando sai de casa, por 1,69 eu memorri de felicidade. Depois vi a sol mexicana lá, sozinha, mas eram duas barras de ouro e ainda tinha que comprar limão pra ficar gostosinho; não comprei, peguei a comum e gelei. Quando eu chego no caixa pra pagar com meu vale refeição super tendência descubro que não dá pra pagar com vale refeição super tendência bebida alcoolica. NÃO DÁ. Fiz uma pausa dramática e cogitei não levar. Levei, gastei e agora sou mais pobre mas sou quase feliz. Eu deveria tirar meus xerox atrasados com esse dinheiro, mas não, não dá. Agora eu tenho tip 50 cents na carteira e preciso de mais dois reais pra pegar onibus amanhã. E AGORACOMOFAS?

A semana passou rápido mesmo, to até cansada dessa rapidez, preciso de lerdeza nessa vida. OU SERÁ QUE NÃO

quarta-feira, 4 de março de 2009

Constatações I

Depois de dois meses e dois dias ( super perseguida pelo número dois) eu tenho internet. E telefone. Não tenho dinheiro, mas tenho direito à comunicação, deveras interessante. Fiquei duas semanas xeretando o lixo do vizinho (muito pringles e sprite pra galera) e usando a internet PORCA dele. Coisa ruim essa wireless alheia, nada como independência de alta velocidade AEAEAEAE.

Descobri que quem me engorda é minha mãe e que a dieta perfeita é NÃO ter comida em casa e nem dinheiro no banco. Guardem essas dicas no coração.

domingo, 1 de março de 2009

Pudim animal

Oi.

Hoje é domingo, faltam dezessete dias pra eu ter 19 anos e entrar de vez no clã daqueles-que-já-não-são-jovens-demais e ser velha. 1º de Março de 200inove (super-tendência trocar algarismos por trocadilhos) Pudim, o filho mais novo da Beatriz, minha deusa egípcia, está deitado na minha frente mordiscando meus dedos do pé e ops, ta caindo no sono. Sob mim está Biazinha tentando cavar um buraco no chão do meu quarto, sabe-se lá por que. O ócio dominical (doença severa que atinge a maior parte dos entediados no mundo todo) não me permite ver o que meu baby está fazendo. Agora que Pudim levantou com um movimento brusco e voltou a tentar roer o cabo de energia do meu computador eu suspeito que ele tenha a doença de Bárbara:  a cabeça grande/pesada demais para o corpo. Eu juro que é divino ver essa bolinha (eu repito BOLA) correndo na minha cama (que eu vou dormir depois, mas quem se importa) a fim de roer qualquer co[Isa.          nesse[

´´´´momento ele atingiu o patamar máximo de filhotisse e tentou roer meu computador  (notem que os erros de digitação são somente causa~dos por ele – não há correção ortgográfica). Conclusão : é impossível digitar somente com o dedo indicador enquanto um filhote de cachorro tenta roer seus outros quatro dedos. O animalzinho que estava há cinco minutos nos meus pés, passou pelo meu tronco, meu computador e partes intimas agora tenta roer minhas roupas íntimas, vulgo SUTIEN (palavra feiadaporra). Agora ele voltou e tenta bulinar minha barriga com suas lambidinhas de filhote. E eu digo em pensamento “ Por favor,durma Pudinzinho”. Desculpem, eu preciso finalizar e desperdiçar meu tempo apertando Pudim até a morte. Beijos.