quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

Sobre o humor feminino


Sobre o humor feminino:


Vejamos, quando eu penso a respeito, mesmo sendo uma mulherzinha, vêm na minha cabeça uma mulher 'meio macho' (pra não dizer outra coisa...). Se não tem tendências machistas, cria uma personagem esdrúxulamente baranga, FATO.


Uns dizem que homens são mais engraçados que mulheres, mas pelo que andei averiguando sobre o assunto e (consequentemente) concordando, mulheres fazem um tipo de humor, homens outro. Ao passo que mulheres riem de si mesmas e da "desgraça" alheia, homens têm um humor quase que totalmente voltado ao sexo e o palavrão. Não que mulheres e homens não se misturem nessas regras, claro.


Por exemplo, em programas humorísticos (se eu ao menos os olhasse, porque eles são de extrema falta de graça) homens se dão melhor. Até porque, nesses programas de Tv Aberta, mulher é cenário, ou melhor, a bunda é cenário. Mulheres são cômicas rindo da situação em si, acredito que nisso que elas são melhores.


Outro ponto é, a profissão de humorista não deveria ser necessariamente considerada uma profissão, sempre achei que o humor fosse algo que saísse inesperadamente da nossa cabeça, a coisa do feeling (ui) da situação, achar que aquele é o momento certo pra fazer uma tirada que vai arrancar risos de alguém. Mas por outro lado, a comédia (peças de teatro, filmes, etc) é um tipo de humor, mas não é aquele humor forçado que se vê em televisão, aquele tipo de humor chato e totalmente extravagante. Mas, como se diz, cada um tem seu próprio gosto.


Homens se sentem intimidados com mulheres que os fazem rir, esse é outro fato. Quantos já não me disseram que sentiram um certo "medo" de ler o que leram no SexyQueen? Puro machismo. Eu acho que o que eu e a fazemos aqui é a pura realidade. Claaaaaaaro que às vezes passamos do ponto do cômico para livre para todas as idades e tudo mais, mas é a a pura realidade dos fatos que nos acatam. As próprias mulheres que me confidenciaram que leram o blog disseram isso. Puro machismo (2)! Afinal, não somos o tipo de mulher que senta na mesa de um bar conta 763 piadas sobre português (ok, a faz isso), mas o que mais nos prende a ficar fazendo bobagens nesse blog é a pura observação do que acontece conosco, mesmo que isso seja via Internet 56 kpbs.


Pra finalizar, mulheres podem ser engraçadas sem serem toscas, feias e machorras (nada contra, claro, o mundo é povoado demais pra ficar separando as pessoas em castas EUEHIUEH /hipócrita mod on). Têm tanta mulher sexy(queen) fazendo o povinho rir por aí, vamo se joga beeshas!


Pimpada (part II)

You see!
Eu, Jéssica, re-no-vei o blog (de novo)! É, novamente em menos de seis meses (pelas minha contas que não são um dado muito confiável, devo ressaltar). Descobri que se eu e Barbarinha queremos o sucesso ( e o teremos ) devemos deixar a leitura agradável aos olhos. O preto, que era a nossa colorsexy antiga, não me deixava lá muito confortável pra ler, e todo aquele glam de glitter, púpurina e unicórnios com problemas fecais foram sanados momentaneamente por que (é lógico) que não vamos perder nossa identidade de fascínio pelo bizarro-que-ninguém-acha-graça-mas-a-gente-ri-por-cinco-meses-sem-problema.
Vou fazer uns banners com frases marcantes e/ou momentos marcantes vividos por mim e pela Bá pra deixar o blog mais aconchegante à nossa criatividade.
É ISSO AÍ, SE JOGA BEE!